Arrependida, ex-atriz da Globo trabalha vendendo salgados: "Eu era retardada"

Cabocla

Veterano não se perdoa por morte de Daniella Perez: “Até hoje me atordoa”

Cabocla

Longe da televisão

Nos anos 1990, a atriz apenas fez duas participações: em Tocaia Grande (1995), na Manchete, e Do Fundo do Coração (1998), na Record. Sua carreira na televisão se encerrou com esse trabalho.

Simone, que é irmã da atriz e automobilista Suzane Carvalho, tornou-se evangélica e abandonou a carreira de atriz após seu pastor dizer que “televisão era coisa do diabo”.

Ela acabou se formando em teologia e tornou-se pastora. Mais tarde, após passar pelo catolicismo e candomblé, se converteu ao judaísmo, religião que segue até os dias de hoje.

Eu estava passando por uma fase complicada e meu filho e eu começamos a discutir. No auge da briga, peguei uma faca e joguei na direção dele. Nessa hora, percebi que algo deveria ser transformado, contou a atriz ao jornal Extra, em 2015.


Arrependimento

Em 2017, a atriz participou do Superpop, da RedeTV!, quando relembrou alguns momentos da carreira. Um deles foi a encomenda de um trabalho para conseguir uma nova chance na Globo.

Eu já era conhecida, mas fiquei triste de ser esquecida na época. A pessoa até perguntou se eu queria fazer mal pra alguém. Eu disse que não. Talvez eu tenha falado ‘poxa, se é pra marcar uma volta, que seja num papel principal’. Foi nessa época, explicou.

Coincidência ou não, uma semana depois disso, ela foi chamada para fazer Tieta.

Infelizmente eu tinha essa cabeça boba, pequena e vaidosa. Queria permanecer na TV e fiz o trabalho. Eu era uma retardada, isso tudo é falta de Deus, completou.

Na mesma entrevista, a atriz disse que se arrependia de ter feito seis abortos.

Eu vou pagar um preço muito alto por isso. Eu descartei seis almas e vou pagar por isso, lamentou.

Atualmente com 61 anos, Simone Carvalho vende salgados e doces tipicamente israelitas na sinagoga que frequenta.

*TV História 

Comente com o Facebook!